Escola

7 dicas úteis para novos professores que mudaram de escola


Para qualquer um de nós, existem alguns cenários que são os mais estressantes de nossas vidas. Os mais reconhecidos são a mudança, o fim do ano ou o nascimento e criação de filhos. Tem outra que também tem uma dinâmica própria que é a mudança do seu local de trabalho. Que ocorre quando quem muda de escola é o professor? Aqui estão algumas dicas para os novos professores que começam a trabalhar em um novo centro educacional.

Começar um novo emprego é uma fonte de estresse, porque é desafiador. Porém, quando falamos do setor da educação, mudar de escola implica não só se adaptar às condições do seu novo cargo, mas também conhecer e compreender a dinâmica dos alunos, professores e do próprio sistema escolar.

Essa mudança de uma escola para outra não é tão simples quanto parece. Passamos de um tipo de sociedade para outro, com outros costumes e formas. Em parte, é semelhante ao processo de migração, só que neste caso geralmente acontece dentro da mesma cidade ou país: você tem que se adaptar e reconhecer o tipo de comunidade com que está lidando.

Com este desafio, gostaria de propor algumas estratégias básicas para tudo aquele professor que muda seu local de trabalho. Essas dicas são para que se possa se adaptar ao modo como é o próprio sistema, reconhecendo realmente quem são os líderes dentro da comunidade e como é o dia a dia dessa escola. Seguimos cada uma dessas dicas.

1. Um deles seria realmente identificar quem são os líderes e influenciadores dentro dos professores e gerentes. Isso significa reconhecer seus interesses, motivações e como trabalham e quais são seus paradigmas educacionais, estruturas e sistema de trabalho. Isso significa depender muito de quem será o responsável e observar a dinâmica e os códigos entre os professores.

2. A segunda é perguntar sobre o tipo de comunidade em que os alunos se desenvolvem. Isso significa descobrir se os jovens pertencem a uma classe social influente ou de risco. É muito diferente, pelo mesmo motivo, o tipo de tratamento ou a linguagem que cada um dos jovens tem.

3. Reconhecer realmente o que é o tipo de perfil que a rede de ensino busca com seus alunos. É muito diferente se a escola deseja um jovem bem formado ou com bons resultados acadêmicos, mesmo que tenha uma oferta educacional alternativa. Digo isso porque seus objetivos dentro da sua disciplina devem estar de acordo com o tipo de perfil que se espera do jovem.

4. Calendário, tipos de avaliações e o próprio sistema de trabalho. Isso é essencial, pois aos poucos você vai reconhecendo o mesmo ritmo de trabalho e os prazos e momentos de trabalho. Lembro-me, por exemplo, que em uma escola em que eu estava, tinha um formato de prova semestral em novembro. Isso significa que já em outubro deve-se ter avançado sua proposta de teste, para que a mesma revisão do documento seja viável e avalie sua relevância.

5. Preste atenção em como são as relações entre o sindicato e a direção e se de fato como são as relações entre os responsáveis ​​pela escola e seus trabalhadores.

6. Rever o projeto educacional, pelo menos as orientações gerais. Desta forma, você poderá comprovar se seus objetivos de aula e estilo de ensino estão adaptados ao sistema escolar.

7. Analise o tipo de planejamento e o paradigma educacional. Com isto quero dizer que se a unidade técnica educacional está ao lado da nova didática educacional ou ainda mantém um estilo bastante tradicional.

Esse processo, no mínimo, deve ser importante registrá-lo pelo menos nos primeiros três a quatro meses de trabalho. Adapte e reconheça os pontos de apoio necessários, pergunte e reconheça sempre aquelas pessoas que podem lhe dar uma boa iniciação. E o mais importante, calma e tranquilidade nos ritmos de trabalho e aprender a deixe tempo para seu próprio desenvolvimento pessoal. Isso é essencial para que você aprenda a se adaptar e a viver em paz nesse novo desafio.

Você pode ler mais artigos semelhantes a 7 dicas úteis para novos professores que mudaram de escola, na categoria Escola / Faculdade no local.

Vídeo: Renato Albani - Alguém Me Explica O Mundo Especial de Comédia Completo (Outubro 2020).